Astoria é um Bairro Seguro?

IMG_0117

Foto tirada por mim após as 20h30min, no Astoria Park, onde estava acompanhada do Uka, Lukinha e da nossa hóspede

 

Olá Pessoal!

Essa é uma pergunta que vez ou outra temos que responder em e-mails enviados para nós referentes ao aluguel de quarto.

E a pergunta procede, não é mesmo?! Afinal, quem quer preocupação em suas férias?!

Astoria, que fica no Queens, ainda é um local pouco explorado pelos turistas. O que, na minha humilde opinião, é uma pena, já que o bairro (ou cidade, como ela é conhecida) é bem charmosinha.

Bom, não vamos desviar do assunto do post: a segurança em Astoria.

Eu decidi viver em NY, entre outras coisas, por considerar uma cidade segura. Claro que há violência, mas beeeeem menor do que no Brasil. E Astoria é um local seguro. Por isso eu moro aqui, pois se fosse perigoso, eu já tinha “picado a mula”, como dizia o meu avô.

Isso é papo de vendedor para alugar quarto? DE JEITO NENHUM. Quem me conhece sabe que eu não sou assim. Eu não seria leviana de dizer que o local é seguro e que tudo bem voltar de madrugada se não fosse. Aliás, acho esse tipo de atitude o cúmulo, já que coloca em risco a segurança das pessoas.

Aí alguém pode falar: “ah, mas o Brasil é mais inseguro e as pessoas moram lá”. Ok, mas nas férias, ninguém quer saber de ficar tenso e, além do mais, alguns viajantes não falam o idioma local, o que prejudicaria (em parte), pedir ajuda.

Para quem nos acompanha no facebook e lê as postagens de pessoas que ficaram aqui com a gente, ficarão seguros em saber que É TRANQUILO. Eu mesma volto de madrugada (e de METRÔ) quando tenho algum compromisso.

CLLLLAAAAAARRRROOO que é preciso tomar certos cuidados para não ser “vítima de oportunidade”; por exemplo, eu tento voltar por ruas movimentadas, ando mais perto da rua do que de um muro, não ando mexendo no celular ou em qualquer coisa que me distraia, etc.

Na minha vizinhança, a vida noturna é bem agitada e, por isso, há sempre alguém na rua. Além do mais, muita gente que mora aqui no bairro costuma voltar tarde do trabalho. Por isso, já cheguei a pegar metrô lotado em plena meia-noite 🙂

Em Astoria, além da segurança, o hóspede também encontrará tranquilidade, já que Astoria, em algumas partes, até parece uma cidade do interior…rs

Vejo vocês no próximo post! Byyyeeeeeeee

Advertisements

Promoção Da Viajante Sem Mala Para O Mês De Março De 2015!

compras

Olá Pessoal!!!

Nossa, eu estava louca para contar essa novidade para vocês! 🙂 🙂 🙂

Tivemos uma reunião de cúpula ontem sobre os nossos serviços e decidimos criar uma promoção bem bacana para o mês de MARÇO de 2015.

Mas por que março?! Por que é o mês do meu aniversário e porque é um dos meses mais bonitos do ano ❤ 🙂

Então, vou contar o que será essa promoção:

A pessoa que reservar nossa hospedagem no mês de MARÇO, ganhará DUAS HORAS do meu serviço de amiga de aluguel aqui em ASTORIA.

Isso mesmo! Vou sair com o hóspede por duas horas para compras e vou ajudá-lo(a) a economizar com todas as minhas dicas de compras 😉

A regra para ganhar esse serviço extra é a seguinte:

* é preciso se hospedar conosco por, no mínimo 3 dias;

* a oferta é para o quarto e não para o número de pessoas hospedadas (ou seja, NÃO será duas horas por hóspede);

* o serviço será de acordo com a MINHA disponibilidade de horário. Claro que podemos combinar com antecedência, assim é possível se organizar.

* levarei para passear pelo meu bairro e SEM PEGAR METRÔ (quem já ficou aqui em casa sabe que tem muuuuuita loja boa aqui por perto e que super valem a pena 🙂 ).

* Se o hóspede for pagar as compras com dinheiro, poderei usar meus cartões de desconto em alguns estabelecimentos 😉

E aí, gostaram?!

Quem se interessar, pode nos mandar mensagem para o e-mail viajantesemmala@gmail.com para checar disponibilidade de datas 😉

Minha Experiência em Astoria, Queens by Cynthia Campello

Olá Pessoal,

Hoje teremos mais um post escrito por um convidada nossa. Conheci a Cynthia através da nossa página no facebook (http://www.facebook.com/viajantesemmala) e finalmente nos conhecemos pessoalmente neste dia em que ela veio nos visitar em Astoria (quem lê deve ter a sensação de que ela teve que “viajar” de Manhattan até aqui…rs). Gente, não é assim 😉 Espero que vocês curtam mais esse post. O texto está na íntegra.

“Oieee galera que acompanha o Viajante Sem Mala! Tudo bem com vocês?

Hoje eu vim contar um pouquinho de como foi conhecer Astoria com a querida da Cris, e é claro, com o icônico Lukinha.

Sempre muito solícita, a Cris topou marcar um lanche comigo pra gente se conhecer e conversar um pouco. Aproveitei a oportunidade pra conhecer um pouquinho do Queens, local que eu nunca tinha ido. O motivo? Um amigo meu lá de Nova York tinha me dito pra não ir para lá porque era muito perigoso.

Só que ele estava falando de Jamaica, região bem afastada, quase lá no JFK. E eu pude atestar com os meus próprios olhos que Astoria é além de muito segura, uma região bem familiar e tranquila. Como a Cris diz, parece um interiorzinho.

Sai de Manhattan na linha R rumo à estação Steinway. Como a Cris estava trabalhando, ela me recomendou descer por lá e curtir um pouco do comércio de Astoriaenquanto ela ia chegando. E devo dizer que NUNCA MAIS COMPRO ALGUMA COISA EM MANHATTAN ANTES DE CONFERIR EM ASTORIA! Gente, a diferença de preços é ABSURDA, até em farmácias como a CVS e a Duane Reade.

Depois de comprar uns quilos de shampoos e máscaras de cabelo, continuei andando e deparei-me com a Victoria’sSecret, totalmente cheia de promoções, e vazia! Uma das vantagens de fazer compra na área é que é super tranquilo, sem aquela quantidade imensa de gente, então você pode fazer as compras com mais calma. Virei fã de Astoria!

Curtindo o climinha do bairro, com seus tijolinhos típicos de NY em todos os prédios, lojinhas coladas umas nas outras e vendedores super educados e solícitos, continuei a minha andança até encontrar com a Cris e o Lukinha no Burger King. E gente, fiquei chocada com a educação do Lukinha, um gentleman! Logo pediu para carregar uma das minhas sacolas e me ajudar 😉

Comemos o nosso lanche, conversamos bastante, e eu pude curtir não só a atmosfera do bairro, como observar as pessoas como uma “outsider”. O povo é bem tranquilão, diferente da agitação de NY. Um excelente lugar pra se hospedar, pois com toda a agitação de Manhattan a gente as vezes não consegue desligar, o que pode comprometer o resto da viagem porque você acaba não relaxando, fica sempre uma pilha (o meu caso, hehe).

E outra, é realmente um mito que Astoria é longe de Manhattan! Peguei o metrô na Times Square e levei apenas 15 minutos pra chegar lá. Isso se levei 15 minutos! Nem deu tempo de dar aquela cochilada básica hehe.

Depois do lanche, saímos de novo pra andar um pouco na Steinway e passamos na biblioteca para a Cris entregar uns livros. Aí eu fiquei chocada de novo, porque quem é que lê livro em biblioteca no Brasil nos dias de hoje né? Pelo menos na minha cidade, não existe nenhuma biblioteca, e quando existe, tem um acervo bem defasado e em más condições. A biblioteca era linda, super moderna e lotada de gente! Muitos livros e FILMES, desde os clássicos até os atuais! Chega bateu a saudade de NY já naquele instante, porque quem me dera ir toda semana num local como esse pra me divertir.

Ah, e uma coisa super bonitinha que aconteceu um pouco antes de chegamos na biblioteca: A Cris me levou em uma loja de souvenirs super baratinha e enquanto eu comprava, o Lukinha ficou olhando os bonequinhos que lhe agradavam. Depois de sairmos da loja, uns 3 quarteirões depois, o Lukinha insistiu que tinha esquecido o bonequinho que tinha ganho no Burger King lá na loja. Ficamos meio sem fé achando que ele poderia ter deixado cair em outro lugar, mas ele insistiu e nós voltamos lá. Acreditam que o boneco estava no EXATO LUGAR que ele estava descrevendo? Ele é muito inteligente, uma fofura! Fiquei muito apaixonada por esse pequeno. Além de inteligente, super educadinho. Que saudades.

 

IMG_6888

 

Tive que ir embora para arrumar as minhas malas, mas um pouquinho do meu coração ficou com os dois. Muito obrigada pelo passeio incrível e pela atenção. Já estou com saudades e certamente voltarei à Astoria não só para umas comprinhas mais baratinhas, como também pra visitar esses dois fofos que me trataram com todo o carinho!”


Cynthia Campello

 

Gostaram? Eu adorei! Foi um prazer enorme conhecê-la e o Lukinha adorou a nova tia dele 🙂 ❤

Para quem quiser conhecer um pouquinho mais da Cynthia, pode seguir o blog dela: https://blogdacyn.wordpress.com/author/cynthiacampello/