E Finalmente Descobriram o que Ele Tinha!

meniere-1

 

Olá Pessoal!

Essa semana começou com uma revelação bastante importante para nós: FINALMENTE, depois de 9 anos, um médico conseguiu descobrir o que o Uka tinha: Síndrome de Ménière.

Tudo começou com uma perda auditiva no ouvido esquerdo. Ele passou em vários profissionais e disseram que ele tinha tinitus. O mais estranho é que havia afetado apenas um ouvido (e a doença geralmente afeta os dois). Ele até chegou a usar um aparelho que não ajudava quase nada. Sem contar o zumbido no ouvido, aquele zumbido que nunca ía embora e que incomodava até na hora de dormir.

Depois, apareceram as enxaquecas, de ele ter de tomar dorflex toda semana, com uma crescente frequência em suas aparições. Ele fez vários exames (inclusive para descartar um tumor no cérebro) e NADA foi descoberto.

Como se não bastasse isso tudo, ele começou a ter crises de vertigens (tipos aquelas de labirintite) seguidas de vômito (de mal conseguir ficar de pé). Teve que cancelar vários shows por causa disso.

Até que, ENFIM, ele encontrou um médico que deu esse diagnóstico e que conseguiu responder a todas as dúvidas dele.

Não existe cura para a doença, mas ela pode ser controlada. E, dependendo do tratamento escolhido, ele pode recuperar pelo menos uma parte da audição. E, dependendo do tratamento, ele pode PERDER o resto que ainda tem no ouvido que tem a perda.

O médico disse a ele que as aparições de sintomas dele foram atípicas (em relação a ordem de aparecimento) e ele estranhou que nenhum médico NUNCA tenha levantado essa hipótese.

Gente, essa aparição dos sintomas foi acontecendo dentro destes NOVE ANOS. O negócio foi se arrastando e o quadro piorando, mesmo ele indo de médico em médico. Todos os médicos diziam que ele tinha a perda auditiva porque era músico (claro, muito mais fácil dizer isso do que ir buscar a causa).

O meu objetivo maior ao escrever este post foi o de alertar as pessoas, principalmente aquelas que tem enxaquecas e vertigens (e não melhoram muito com a medicação) a buscarem uma ajuda mais especializada e levantarem a questão dessa doença. O Uka já está com isso a mais de 9 anos e poderia ter evitado a progressão da doença se tivesse tido o tratamento adequado desde o começo.

Bom, é isso por hoje!

Vejo vocês no próximo post! Byyeeeeeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala

Advertisements

O Que Fazer Quando Enganam Você nos EUA?

why_is_mommy_so_mad

 

Olá Pessoal!

Ontem, uma ex-hóspede e agora amiga 🙂 me mandou mensagem contando que contratou os serviços de uma brasileira nos EUA para preencher os formulários do green card para ela. O valor cobrado foi de U$250.00 e o contato todo foi feito via internet e telefone.

Pois bem, ontem minha amiga mandou mensagem dizendo que a mulher preencheu o questionário errado, inclusive com erro de digitação. Quando a cliente foi reclamar do serviço, a mulher disse que estava “treinando uma pessoa para preencher os formulários”. Páaaaaaaara tudo!!! Você está treinando alguém e não vai revisar o trabalho dessa pessoa????!!! Sorry, mas essa não cola. Em um outro momento, ela afirmou que o processo da cliente foi muito difícil, como se isso justificasse os vários erros. Eu não sei que tipo de cliente ela pega, mas a cliente em questão casou (de verdade) com um americano e agora quer o green card para poder trabalhar. Nada mais justo. Se você, prestadora do serviço, acha que o caso é muito difícil para você, é bem fácil resolver: peça desculpas a cliente, devolva o dinheiro e deixe que ela procure alguém que saiba fazer.

O pior da história é que a mulher, além de pilantra, foi grosseira e jogou a “culpa” de tudo nas costas da cliente, dizendo que a cliente mandava muitos e-mails com perguntas. Oi?!

Só para deixar claro: a brasileira que “estava cuidando caso”, ou melhor, que fingiu cuidar do caso, NÃO É ADVOGADA. Na verdade, quem já pediu green card sabe que NÃO É PRECISO CONTRATAR UM ADVOGADO PARA FAZER O PROCESSO. É possível fazer tudo sozinha. Mas, o governo aqui adora papel e é muita coisa para responder naqueles formulários. Por isso, minha amiga pagou alguém para ajudá-la no preenchimento. Fez isso porque queria ter a certeza de que tudo sairia direitinho. Infelizmente, não foi o que aconteceu 😦

Ela tem tudo documentado em e-mails e prometeu que escreverá um post contando essa história, inclusive com o nome da tal brasileira (que mora em Houston), para que NINGUÉM caia no conto do vigário. Eu não sei de vocês, mas U$250.00 para mim é bastante dinheiro 😦

A minha mensagem para vocês, depois de mostrar esta história aqui, é a seguinte: tem muito pilantra nos EUA. E não estou falando que é só brasileiro: nós mesmos tivemos problemas com um contador americano, por exemplo. E olhe que ele veio super recomendado por uma amiga que já havia usado os serviços dele várias vezes.

Pesquise bem sobre o profissional, veja se tem mesmo a licença que diz que tem, veja os reviews do serviço, pergunte nos grupos do facebook. E se, por fim, não der certo, DENUNCIE! Não só no facebook, mas na polícia. Tente fazer os contatos com a pessoa via e-mail/mensagem para que fique tudo documentado. Mesmo estando ilegal, se uma pessoa for enganada por outra, ela deve ir sim procurar a polícia. Em teoria, a polícia não quer saber o seu estado imigratório (sempre que eu procurei a polícia aqui, nunca me perguntaram se eu era legal ou não).

Também é possível levar o caso para a corte. Este tipo de malandragem se chama SCAM e no caso, essa mulher é uma SCAMMER.

Para quem quiser saber um pouco mais sobre esse assunto de scam, é só entrar nesse site: https://www.usa.gov/stop-scams-frauds (atenção: este site não é o site oficial do governo)

Pedi a uma amiga para ajudá-la e agora vamos ver se sai ou não sai esse GC 🙂

Aguardem…mais notícias sobre esse caso serão postadas aqui no blog.

Vejo vocês no próximo post! Byeeeeeeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala

 

 

 

Estátua do Capitão América no Brooklyn

3716afac00000578-0-image-a-1_1470930328749

Olá Pessoal!

Hoje eu vou falar sobre um assunto especial para quem é fã de super heróis (como é o Lukinha) 🙂

O Capitão América, personagem criado por Joe Simon e Jack Kirby, ganhou este ano uma estátua. E ela viajou lá do Comic-Con de São Diego até o Brooklyn, em NY. E gente, essa estátua pesa 1 tonelada, ou seja, MIL KILOS 🙂

A estátua é um presente da Marvel pelos 75 anos de aniversário do personagem, que é “filho do Brooklyn” (apesar de parecer que muita gente desconhece este fato, principalmente os moradores do Brooklyn…rs).

A estátua inicialmente foi exposta no Prospect Park, com uma festinha de inauguração no dia 10 de agosto (não fui, mas pelas fotos, parece que foi bacana) e, por lá ficou durante 2 semanas. Depois, ela foi movida para o plaza que fica do lado de fora do Barclays Center e, por lá ficou até o início de outubro, sendo transferida para o Sunset Park.

As fotos abaixo foram gentilmente cedidas pelo nosso hóspede e amigo Lopes, que esbarrou na estátua quando estava passeando pelo Brooklyn, no início de setembro. Segundo o relato dele, não havia NINGUÉM tirando foto da estátua e ela parecia estar passando despercebida pela vizinhança. Depois que ele tirou várias fotos, as pessoas ficaram curiosas e foram ver o que era…rs

Segue as fotos:

fullsizerender_1 fullsizerender_3 fullsizerender_4 fullsizerender fullsizerender_2

 

E para quem estiver hospedado em Astoria 😉 é só pegar a linha N do metrô, sentido Manhattan, lá na estação Astoria Boulevard, descer na 36 street (são 15 paradas) e aí caminhar aproximadamente 9 minutos até a loja, que fica no endereço: 850 3rd Ave, Brooklyn, NY 11220, USA. A estátua fica em frente a loja Bed, Bath, & Beyond (que eu adoro!) Ainda não fomos até lá, mas parece fácil 😉

Para quem estiver visitando a cidade, sugiro uma passadinha lá. É um programa gratuito, diferente e as crianças ficam loucas com este tipo de coisa. Depois de tirar fotos, não deixe de visitar a loja Bed, Bath & Beyond que é ótima!!!!!

Vale lembrar que, em teoria, a estátua ficará lá até o final de 2016. Não consegui encontrar nenhuma informação na internet dizendo para onde ela irá, mas espero que ela continue em NY ❤

 

Vejo vocês no próximo post! Byyyyeeeeee

 

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala

Megabus X Trem em Nova York

img_1397

 

Olá Pessoal!

Este post foi indicação de uma pessoa que segue a gente lá no facebook (www.facebook.com/viajantesemmala).

O que eu acho melhor: viajar de megabus ou trem?

Megabus, para quem não conhece, é um ônibus com passagens a partir de UM DÓLAR 🙂 Claro que, para pegar esta barbada, é preciso comprar com bastante antecedência e ter sorte em relação a dia e horário. Para Washington Dc, por exemplo, já usei o ônibus ida e volta e paguei U$10.00 + taxas (U$5.00 por trecho). O ônibus é super confortável e tem internet gratuita.

Trem, operado pela AMTRAK é uma outra opção bacana para chegar em vários pontos dos EUA. Minha última viagem de trem foi quando eu ainda estava grávida do Lukinha e viajei com o Uka e meus primos para Washington Dc. Compramos com antecedência e pegamos um preço “barato” para o trem. A viagem foi ótima e eu recomendo também este meio de transporte.

Então, qual é o melhor?

O melhor é aquele que o seu bolso pode pagar naquela momento 🙂

A viagem de trem é beeeemmmmm mais cara que a de ônibus, MAS vale a pena se você estiver com outros amigos. Aliás, pelo menos uma vez na vida vale a pena usar este meio de transporte.

Agora que somos três aqui em casa, o megabus é quase um carro particular…rs

Para acessar valores e rotas do MEGABUS, é só acessar o link:

http://www.megabus.com

Para acessar valores e rotas do AMTRAK, é só acessar o link:

http://www.amtrak.com

Ah, e aqui vão alguns dos destinados mais visitados usando estes dois meios de transporte entre os nossos hóspedes:

  • Washington
  • Filadélfia
  • Boston
  • Baltimore
  • Atlantic City
  • Chicago

Lembrando que, caso você fique hospedado em nosso apartamento, nós te ajudamos a comprar as passagens online 😉

Vejo vocês no próximo post! Byeeeeeeeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala

Indicação de Livro: 102 Minutos

Olá Pessoal!

Aproveitando que o 11 de setembro está chegando (já se passaram praticamente 15 anos desde a tragédia), decidi compartilhar com vocês a sugestão de um livro para quem se interessa pelo assunto.

O nome do livro é 102 minutos. Li o livro em inglês, mas sei que ele existe traduzido para o português.

Segue abaixo a sinopse do livro em português:

102 minutos.

Entre o instante em que o primeiro avião atingiu a Torre Sul do World Trade Center, às 8h46 do dia 11 de setembro de 2001, e o momento em que a Torre Norte desabou, passaram-se 102 minutos.

É este intervalo de tempo que os jornalistas Jim Dwyler e Kevin Flynn, repórteres do New York Times, recriam nesse livro eletrizante. Para isso, adotam uma estratégia reveladora – dar voz às pessoas que estavam dentro dos prédios naquele momento.

A partir de centenas de entrevistas com agentes de resgate e sobreviventes, documentos oficiais, gravações de telefonemas, e-mails e transcrições de pedidos de socorro nos serviços de emergência, produzem uma reportagem investigativa de primeira qualidade.

Expõem também, de forma dramática, os motivos das falhas nos serviços de bombeiros e da polícia de Nova York – que o mundo todo reputava como impecáveis.

A habilidade narrativa dos autores, somada a diagramas da estrutura das torres, reconstitui para o leitor a confusão e o caos que dominaram o ambiente no interior dos prédios.

Um relato implacável, que traz à tona detalhes impressionantes, encontros fortuitos, reações intempestivas, momentos de heroísmo e incompetência – e muito sofrimento.

Não quero falar muito sobre o livro para não correr o risco de falar demais, mas posso dizer que este é um daqueles livros que, mesmo você JÁ sabendo o final, ele é tão interessante que não dá vontade de largá-lo.

Ao finalizar o livro, lembro-que de pensar: “puxa, não era para ter morrido tanta gente do jeito que morreu!”. E esse livro, bem detalhado, mostra todo o acontecimento e traz informações que a gente não viu nos noticiários.

Definitivamente, este é o livro #1 para quem quer entender um pouco essa tragédia que, mexeu com todo o mundo.

Vejo vocês no próximo post! Byeeeeeeeee

http://www.facebook.com/cristianepassarela

Ela me Representa!

We_Can_Do_It!

Olá Pessoal!

Nosssaaaaa, como eu fico brava quando eu vejo alguém jogando lixo no chão. E se a pessoa estiver perto de mim, vou lá, recolho o lixo e coloco na lixeira. Se não tiver nenhuma perto, sempre trago um saco de lixo na bolsa e coloco dentro (de preferência, na frente do porcão ou porcona). Parece que o Lukinha já aprendeu a lição e o lixo costuma colocar no bolso ou na mochila ❤ Ele diz que está “saving the planet” 🙂 🙂 🙂

Sabia que no Brasil, em alguns estados, as pessoas recebem MULTA se jogarem lixo no chão?! E dependendo do que for jogado, a multa vai de 150.00 reais e pode chegar a quase 5 mil reais.

Aqui nos EUA também há multas (e pesadas) para este tipo de comportamento. Saiba que aqui você pode ser multado até se colocar o SEU LIXO no cesto de lixo de alguém (que não seja o público, é claro).

Toda essa conversa acima é para falar de uma moça que, cansada de ver pessoas jogando lixo no chão, decidiu agir. Isso foi na Rússia, mas poderia ter acontecido em qualquer lugar do mundo. O que ela fez foi….bom, eu ía contar aqui o que ela fez e registrou em vídeo, mas eu acho que vale a pena você assistir o vídeo no está no link abaixo:

http://www.littlethings.com/litter-vigilante/?

ELA ME REPRESENTA! Só não faço isso aqui porque não tenho moto 😉

Aqui em NY, EU JÁ VI gente sendo multada por jogar lixo no chão e na plataforma do metrô. Portanto, nada de jogar lixo no chão quando estiver visitando a cidade 😉

Eu sei que muitos vão dizer: ah, mas o que é mais um lixo no chão?! Lembre-se disso quando chover e o bueiro estiver entupido e as ruas alagadas. Não adianta nada a prefeitura ficar mandando limpar os bueiros quando as pessoas INSISTEM em jogar lixo nele. BUEIRO NÃO É LIXEIRA!!!!!

Vejo vocês no próximo post! Byeeeeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala

A Melhor Notícia do Ano :)

1

Olá Pessoal!

Pára tudo!!!!!

Preciso contar isso para vocês! Fiquei sabendo hoje!!!!

Finalmente aconteceu!!!!

O Gray’s Papaya abrirá uma filial até o final deste ano e em um lugar supppppper bem localizado para vocês: TIMES SQUARE!

Se você não sabe do que eu estou falando, dá uma olhada aqui no blog pois eu já fiz um post deles 😉

Eu não sei se eu fiquei muito feliz com a localização (pois a muvuca é sempre grande por lá e provavelmente vou continuar visitando o Gray’s Papaya da 72), mas fiquei sim MUITO FELIZ em saber que teremos uma outra opção e, que servirá para divulgar o MELHOR cachorro-quente da cidade.

Anotem aí o endereço: 612 eighth ave, ali pela Port Authority Bus Terminal (a rodoviária daqui). E tão cedo não sairão dali, pois o contrato de aluguel assinado é de VINTE ANOS 🙂 🙂 🙂 🙂 🙂

Quando chegar lá, não esqueça de pedir, além dos dois hot dogs, o suco de papaya OU o suco de piña colada. Tenho certeza que você não irá se arrepender.

Vejo vocês no próximo post! Byyyyeeeee

Viajante Sem Mala Responde: Golpes de Brasileiros nos EUA

scam

Olá Pessoal!

Uma pessoa que nos acompanha em nossa página no Facebook (www.facebook.com/viajantesemmala) perguntou o que eu achava desse caso e, para responder, decidi fazer isso através do blog. O caso em questão é esse do link abaixo:

Família de brasileiros afirma ter sido vítima de golpe em Orlando

Já começo dizendo que não conheço NINGUÉM envolvido nesse caso e, que estou dando a minha opinião baseada no que eu escuto e vivencio AQUI EM NOVA YORK.

Gente, TEM MUITO BRASILEIRO PICARETA nos EUA. Assim como também há picaretas de outros países (picaretagem não é algo só de brasileiro). Eu não sei o que acontece quando o povo chega aqui nos EUA: não sei se mudam ou se já eram assim e só encontram a brecha para colocar as manguinhas de fora 😦 Aqui, esse tipo de picaretagem chama-se SCAM.

Eu sempre digo que NY é uma VILA e, que as notícias ruins chegam, é voando 🙂 Já ouvi tanto caso de picaretagem aqui em NY que chego (em alguns momentos) a perder a esperança na humanidade. Tem horas que dá vontade de gritar: “pára que eu quero descer”.

Se eu acredito que alguém enganou esse casal: acredito sim, mas a questão é PROVAR. E como já disseram, as LEIS aqui funcionam e os culpados serão descobertos. Até lá, o negócio é não tomar partido e só observar aonde esta história terminará.

A idéia é: BUSQUE AJUDA ESPECIALIZADA! Quando eu digo isso, eu quero dizer que para estes trâmites de visto e que envolvem um investimento financeiro, o melhor é fazer tudo com um advogado. Tenho absoluta certeza que teria saído MUUUUITO MAIS BARATO, mesmo que contratassem um advogado americano e um tradutor brasileiro para ajudar nas negociações.

E para quem precisa fazer qualquer tipo de negócios (seja desde alugar um quarto/apartamento ou mesmo contratar um serviço), pesquise BASTANTE, leia todos os comentários não só na própria página de quem está oferecendo o serviço, mas também nos grupos espalhados pelo Facebook. Isso pode livrar você de vários inconvenientes 😉

Espero que esta história se resolva prontamente e que os culpados sejam punidos. E que, por fim, isto sirva de lição para outros!

Vejo vocês no próximo post! Byyyeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala

youtube: Viajante Sem Mala

 

Dica Valiosa para Preparar o seu Roteiro para NY

smiley-640x360

Olá Pessoal!

Eu sei que vocês já ouviram essa minha introdução milhares de vezes, mas é verdade: eu sempre vejo turista se “ferrando” com certas dicas que eles leram em algum lugar da internet e, apesar de achar que alguém já falou sobre isso, eu também vou falar 🙂

Estou falando das “pegadinhas” dos passeios GRATUITOS de NY.

Provavelmente, se você está vindo sozinho para a cidade, este post não será tão útil assim para você (ou sim…rs), mas para quem está viajando com mais de 3 pessoas (e é uma pessoa só pagando pela viagem), esse post será a “salvação da lavoura”.

CLAAAAARRRRRO que há muitos passeios bem bacanas por NY e que são gratuitos; contudo, alguns passeios ditos GRATUITOS em alguns sites/blogs na verdade NÃO SÃO.

Vou dar aqui exemplo de 3 passeios ditos “GRATUITOS” e, que EU JÁ VI, deixou uma família (que estava com o dinheiro contadinho) em maus lençois 😦

  • Patinar no BRYANT PARK
  • Visitar a Roosevelt Island de bondinho
  • Andar com o ferry que vai para Staten Island (e dá para ver a estátua da liberdade).

Vou comentar aqui de cada um em separado, ok?

PATINAR NO BRYANT PARK: esse é um passeio vendido como gratuito, mas que na verdade não é. Explico agora a “pegadinha”: REALMENTE, a pista de patinação é gratuita. É só você chegar com o seu equipamento e se divertir. Mas…pera aí…você não trouxe o seu equipamento????!!! Não tem problema: eles ALUGAM para você 😉 E o preço do aluguel não sai por menos de U$12.00 POR PESSOA. Ah, mas o que são U$12.00, não é mesmo? Bom, imagina o mesmo tipo de família que eu falei acima? São 4 pessoas e, por fim, para este passeio, terão que desembolsar U$48.00.

VISITAR A ROOSEVELT ISLAND DE BONDINHO: gente, esse passeio é maravilhoso e, não sei porque, ainda não é tão visitado por turistas. É super fácil ter acesso ao bondinho e é preciso usar o seu metrocard para ter acesso a ele. Mas…pera aí… eu tô hospedado em Manhattan e tenho feito todos os meus passeios à pé. Bom, na própria estação eles vendem o bilhete do metrô. Se você estiver sozinho, vai gastar U$5.50 para esta viagem (se você colocar crédito no bilhete, pois se pagar separadamente por ida, sairá mais caro). Ah, o valor na verdade é U$6.50, porque você tem que pagar U$1.00 pelo metrocard. Usando o exemplo da família acima, eles desembolsarão U$22.00 + U$1.00 do metrocard. Isso se eles souberem que podem colocar crédito e usar 1 cartão só para todos 😉 Então, até agora, os tais passeios GRATUITOS já estão custando U$71.00 para essa família de quatro 😦

ANDAR COM O FERRY QUE VAI PARA STATEN ISLAND E DÁ PARA VER A ESTÁTUA DA LIBERDADE: este passeio segue o mesmo princípio do bondinho para Roosevelt Island, ou seja, é preciso pagar para a ida e a volta. Para 1 pessoa sairá U$5.50 (economizará U$1.00 do bilhete, pois ela já comprou o metrocard para andar no bondinho 😉 ) e sairá U$22.00 para a família com quatro.

Por fim, os tais passeios conhecidos como GRATUITOS, na verdade, geraram um gasto de U$24.00 para a pessoa que foi sozinha e U$93.00 para a família de quatro. A idéia de gratuito (para os dois passeios) é só se você tiver o bilhete do metrô ilimitado, o que, por fim, não será GRATUITO, já que você PAGOU por ele 😉

Eu sei que, para alguns, parece ser informação besta, já que TODO MUNDO sabe que comprar o metrocard ilimitado sai mais barato e te dá entrada GRATUITA nestes locais citados. INFELIZMENTE, nem todo mundo sabe disso. Já vi gente ficar aqui em casa e gastar U$40.00 em dois dias com o metrô, pois não sabia que existia a possibilidade do metrocard ilimitado. Lembrando aqui, que no caso do indivíduo pagar separadamente por viagem, sairá U$3.00 por cada uma. Se ele adicionar um mínimo de U$5.50 no metrocard de crédito, a passagem sairá U$2.75). O metrocard ilimitado por 1 semana sai por U$31.00 + U$1.00 (do bilhete).

O meu objetivo com esse post foi chamar a atenção de quem está preparando o seu roteiro para NY, para não ter que cair nessas armadilhas que, para muitos, pode custar caro.

Aproveitando para frisar que, alguns museus possuem entrada GRATUITA (não estou falando de preço sugerido) e, se você conseguir adaptar os seus dias da viagem aos dias de entrada gratuita, a economia é ainda maior. Um exemplo é o MOMA, que de sexta-feira, das 16h às 18h possui entrada gratuita. Para aquela família de 4, já seria uma economia de U$100.00 só para este passeio 😉

Espero sinceramente que este post sejá útil para a programação de sua próxima viagem a NY.

E vamos economizar 😉

Vejo vocês no próximo post!!!!! Byyyeeeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala (@viajantesemmala)

 

Como Trocar Moedas em Banco em NY

Olá Pessoal!

Nossa, eu sempre fiquei com muita dó das caixas nos bancos no Brasil terem que PERDER SEU PRECIOSO TEMPO contando moedas. Ninguém merece! E a culpa também não é do cliente. A questão é que deveria ser oferecida outras possibilidades de depósito que ficasse bom para ambas as partes 😉

Não sei dizer se estas possibilidades que usamos aqui se espalham pelos outros estados americanos, mas eu sei que é assim que funciona em NY 🙂

Atualmente, existem três formas (pelo menos, são as que eu conheço) para se fazer a troca de moedas:

1. Utilizar a máquina que conta o dinheiro em BANCOS: essas máquinas estão disponibilizadas em algumas agências e é só você jogar o dinheiro ali dentro que a máquina conta para você. O serviço NÃO é gratuito, mas se paga um valor pequeno 😉 O melhor é que você não precisa ser correntista do banco para utilizar a máquina e não é preciso de ajuda para você fazer isso (as máquinas costumam ficar em um lugar central na agência). Andei dando uma pesquisada na internet e vi que uma rede de bancos DESATIVOU todas as máquinas. Parece que agora esta é uma RARA opção 😦

 

maxresdefault

 

2. Utilizar a máquina que conta o dinheiro em SUPERMERCADOS: estas máquinas também existem em supermercados e cobram uma pequena % em cima.

 

maxresdefault (1)

 

3. Depositar em sua conta bancária utilizando os “tubinhos de papel”: nunca ouvi em português a equivalência deles e esse é o termo que uma amiga utiliza). Como ele funciona? Você pode pegar os papéis no banco (ou comprar em lojinhas de 1 dólar) e cada tubinho corresponde a um valor em moeda. Depois de colocar o valor correspondente em cada tubinho, é só levá-los ao banco e entregar à caixa. Ela irá PESAR cada tubinho e fará o depósito.  Tenha a certeza de que você está colocando o valor da moeda no tubinho certo para ela. A maioria das pessoas costumam fazer depósitos na conta, mas ainda há a possibilidade de TROCAR as moedas por notas. Alguns bancos não exigem que a pessoa seja cliente para fazer isso, mas a MAIORIA não costuma trocar as moedas se o indivíduo não for correntista. Eu particularmente ADORO organizar as moedas nesses tubinhos ❤ Como sempre trocamos moedas com nossos hóspedes (para que eles não tenham que levar um monte de moeda de volta para o Brasil), nós sempre estamos fazendo este tipo de depósito.

 

IMG_0066 IMG_0068

 

Agora já sabe: se vier à NY, não precisar carregar aquele peso todo de moedas. E lembre-se: aqui moeda é DINHEIRO 😉

Vejo vocês no próximo post! Byyeeeeeeeee

http://www.facebook.com/viajantesemmala

http://www.instagram.com/viajantesemmala (@viajantesemmala)