E lá se foram 10 anos!

Eu nem acredito que hoje celebro 10 anos de NY: há exatamente 10 anos atrás eu pisava pela primeira na Big Apple. Eu estava na casa dos 20, pensava fortemente em morar fora, mas vim completamente aberta para NY. Uma amiga que já havia morado aqui me ofereceu estadia gratuita na casa de um amigo e eu, CLARO que topei na hora. Passei 1 mês aqui e simplesmente A-M-E-I. No fim da viagem, já me via morando na cidade que não dorme. Gostei tanto que em menos de 26 dias eu voltei para cá…rs

Arranjei um namorado na cidade e fiquei “morando” temporadas de 2 a 3 meses, até finalmente mudar de mala e cuia em outubro de 2007 e SOZINHA.

Interessante é que diferente de outras pessoas, nunca tive o tal SONHO AMERICANO: primeiro pensei em morar em Londres e depois no Canadá. Isso antes das férias de 2004 aqui.

NY me atraiu por ser uma cidade muito parecida com a minha cidade natal (São Paulo) e por oferecer uma gama de oportunidades, principalmente na minha área (psicologia). 

Passei os anos de 2006 e 2007 me preparando para a mudança de país: economizei dinheiro, vendi minhas coisas e vim com a cara e a coragem. Olhando para trás, sei que faria tudo novamente.

A vida para o imigrante que não vem com um bom emprego é muito dura, pois a maioria (eu me incluo aqui) trabalha por HORA e nunca tem a certeza se terá trabalho no dia seguinte. Por isso, é preciso ser uma pessoa muito controlada financeiramente para não ficar sem grana, pois aqui não tem família para abrigar você no momento do aperto.

Entrei aqui com o visto F-1 (estudante) e permaneci com ele até 2009, quando troquei o meu visto para O-3 (visto que eu mantenho até hoje). Nunca fiquei ilegal e este é um conselho que eu dou a todos que pensam em fazer a vida aqui: não fique ilegal, pois isso limitará muito a sua vida.

Para mim, qualidade é vida é poder andar pela rua sem medo de ser roubada, poder receber o seu troco EM DINHEIRO e não em balinhas, ter seus direitos garantidos…e isso eu tenho aqui.

Agora, a estabilidade financeira que eu tinha no Brasil AINDA não encontrei aqui: não temos carro, não temos tv a cabo, dividimos um celular, moramos num apartamento de 1 quarto e precisamos alugar um cômodo para ajudar a pagar as contas, não tiramos férias e vivemos no limite. 

Visitar NY como turista é algo completamente diferente de morar: aqui o aluguel é carissimo e os serviços também. Muita gente chega iludida na cidade achando que vai viver no glamour e acaba se decepcionando (e muitas vezes até retornando ao Brasil) quando percebe que NY é, muitas vezes, uma cidade onde as pessoas são mais frias e indiferentes quanto as outras em relação ao Brasil.

Um dia eu escrevo um post detalhando todas as atividades que eu já fiz aqui desde que cheguei 😉

Gosto tanto de NY que até contribuí com o aumento da população e produzi um NEW YORKER 😉 You are welcome, NY 🙂 🙂 🙂

E você, quando começou sua história de amor com esta cidade? Conta, conta, conta!!!

Advertisements

2 thoughts on “E lá se foram 10 anos!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s