Validação do Diploma de Enfermagem nos EUA

 

NURSE

Olá Pessoal!

Esse é um post que eu queria publicar há muito tempo, mas como não sou enfermeira, dependia de uma amiga para escrever. Na verdade, o que fizemos foi: ela mandou por mensagem de voz a explicação, eu transcrevi e ela revisou 😉 A Michelly (minha amiga enfermeira) já trabalha em NY como enfermeira há mais de 5 anos. Essa validação serve para qualquer estado dos EUA.

Para avaliar as credenciais da enfermeira que se formou fora dos EUA, é preciso entrar nesse site:

A CGNFS fica na Filadélfia, mas tudo pode ser feito online, ou seja, é possível fazer tudo com a pessoa morando no Brasil (o que eu particularmente acho muito mais fácil).

É preciso pagar uma taxa (esse é o link com os preços: http://www.cgfns.org/services/ces-professional-report/) para começar o processo. Uma vez que essa taxa seja paga, eles enviam para o solicitante (no caso você 😉 ) uma lista de documentos que precisam ser enviados para eles. Como é a própria CGNFS que entra em contato com a sua universidade para pedir a documentação necessária, é preciso que alguém na universidade esteja a par do seu caso (para agilizar – sabe como é Brasil, não é?!). Os documentos serão enviados em português mesmo, pois a agência possui os seus próprios tradutores.

O histórico que eles pedem é o histórico detalhado – caso não haja, é preciso mandar o conteúdo programático SEPARADO – como aconteceu com a validação do meu diploma de psicóloga.

Todo esse trâmite de mandar e receber documentos (o andamento do processo) é possível ser acompanhado pelo aplicante, seja via internet ou mesmo ligando para a agência. O processo para a minha amiga levou uns 6 meses.

Agora, essa é só a PRIMEIRA PARTE!

Depois de validado o seu diploma, a agência envia ao solicitante um documento chamado ATT (authorization to take the test). Só receberá esse papel se os seus documentos forem aceitos (no caso, validado). A partir disso, a pessoa estudará para fazer a prova da licença. Toda a pessoa que se forma em enfermagem tem que fazer – isso não vale apenas para quem estudou fora do país. Passando nessa prova, o profissional já consegue a licença.

O nome da prova de licença é NCLEX (National Council Licensure Examination).

Quando o solicitante receber o comunicado de que o seu diploma foi validado, no próprio documento vem escrita todas as informações necessárias para se inscrever na prova. Caso já queira dar uma olhada na prova, o site deles é esse:

No wikipedia também tem uma explicação detalhada:

Para trabalhar legalmente nos EUA é preciso ter autorização (visto de trabalho ou green card). Na época dela, existia o visto de enfermeiro, mas conforme uma pesquisa que eu fiz, esse visto foi extinto em 2009.

Eu sei que o processo parece difícil, mas não é! Eu mesma validei o meu diploma aqui (com a ajuda da Michelly, que imprimiu todos os formulários e foi um dia lá em casa para me ajudar a preenchê-los ❤ ). Para mim, parecia tudo muito difícil, mas depois que passa você vê que não é 😉

Uma dica: não deixe para fazer essa validação no final do ano. Aliás, acho que a melhor época para começar é depois do carnaval 🙂 Eu digo isso não pelo problema daqui (aqui quase não tem feriado), mas pela questão da universidade e dos correios no Brasil.

Espero que este post seja útil 🙂

Vejo vocês no próximo post! Byyyeeeeee